2018: jan . fev . abr . mai

2017: jan . mar . abr . jun . ago . set . nov . dez

2016: jan . fev . mar . abr . jun . jul . out . nov . dez

2015: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2014: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . dez

2013: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2012: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2011: jan . fev . mar . abr . mai . ago . set . out . nov . dez

2010: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2009: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2008: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2007: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2006: fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez






Tempos negros da ditadura

Na sequência da leitura de A ditadura envergonhada, li A ditadura escancarada (Companhia das Letras), no qual o jornalista Elio Gaspari prossegue a narrativa da história do Brasil no período do regime militar. Desta vez, o trecho histórico vai do AI-5 (dezembro de 1968) ao fim do governo Médici, quando a luta armada urbana e a guerrilha rural do Araguaia foram dizimadas pelas forças do governo.

Novo trabalho alentado, com cerca de 500 páginas fartamente documentadas, inclusive por cadernos de fotos dos episódios e personagens do período, o livro narra os principais fatos e o que houve com cada envolvido.

Para quem viveu a época, é mais que importante detalhar o ocorrido no País, quando repressão virulenta, censura e crescimento econômico, no chamada Milagre Brasileiro, construíram a "paz armada" e o silêncio dos amorçados.

Mitos e lendas ganham luz, e não apenas os produzidos pela ditadura, mas também aqueles que a esquerda criou quando, esmagada pela força, resistia em admitir os próprios erros.

Começo agora a leitura do terceiro volume da série, A ditadura derrotada, e depois comento.



Beijos!

Clara Arreguy, quinta-feira, fevereiro 10, 2011.

______________________________________________________