2018: jan . fev . abr . mai

2017: jan . mar . abr . jun . ago . set . nov . dez

2016: jan . fev . mar . abr . jun . jul . out . nov . dez

2015: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2014: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . dez

2013: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2012: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2011: jan . fev . mar . abr . mai . ago . set . out . nov . dez

2010: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2009: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2008: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2007: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2006: fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez






Saudades de Compostela

Diz a Clarice que eu gosto de tudo, mas como não gostar de rever na tela grande o Caminho de Santiago de Compostela que há exato um ano eu e meu grupo, o Dá Pedal, percorremos de bicicleta? Pois a comédia Onde está a felicidade?, de Carlos Alberto Riccelli, percorre boa parte do trajeto que fizemos.

Com pretensões almodovarianas nas cores, na música, na paisagem espanhola e nas mulheres à beira de um ataque de nervos, o filme obviamente não é de Almodóvar, mas de Riccelli. Nem por isso é ruim. Comédia romântica de pouca riqueza de texto, obtém boas interpretações de Bruna Lombardi e Bruno Garcia (foto) e uma ótima participação de Marcello Airoldi, encarregado de convincentes cenas de humor.

Quanto a Compostela, serve apenas de cenário para os desvarios de gente à procura de soluções para o amor e o trabalho - pouco, não? A paisagem apaixonante não resolve todos os problemas, mas ajuda. Não é grandes coisas, mas dá pra divertir.

Beijins!

Clara Arreguy, quarta-feira, agosto 31, 2011.

______________________________________________________