2018: jan . fev . abr . mai

2017: jan . mar . abr . jun . ago . set . nov . dez

2016: jan . fev . mar . abr . jun . jul . out . nov . dez

2015: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2014: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . dez

2013: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2012: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2011: jan . fev . mar . abr . mai . ago . set . out . nov . dez

2010: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2009: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2008: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2007: jan . fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez

2006: fev . mar . abr . mai . jun . jul . ago . set . out . nov . dez






Quanto mais Camilleri melhor

Se você não conhece este autor, precisa. Andrea Camilleri é o criador do comissário Salvo Montalbano, chefe de polícia em Vigàta, na Sicília, um dos personagens mais carismáticos do policial contemporâneo.

O autor tem 87 anos e já escreveu dezenas de livros, a maioria deles tendo Montalbano como protagonista, mas muitos também sem ele. O que nunca falta é a inteligência, é o humor fino de um escritor que atua em todas as frentes, na literatura, na televisão, no cinema, no teatro.

Camilleri é delicioso, e ler seus livros faz parte das melhores férias que alguém possa querer. Nos últimos dias, embora não esteja de férias, devorei com sofreguidão a coletânea de contos "O ano-novo de Montalbano" (Record, 284 páginas), uma série de histórias curtas publicadas esparsamente em diversos veículos.

Tem Montalbano de montão, com seu universo de personagens secundários, mas nem tanto, como o hilário Catarè, a noiva Livia, o vice Mimi Augello e as deliciosas iguarias que o comissário nunca dispensa. As historietas vão das investigações mais simples às mais complexas.

Há até metalinguagem, com Salvo confrontando o próprio Camilleri quando avalia que ele passou da medida. Não é um lançamento, saiu originalmente em 1999. Mas com o escritor italiano tudo mantém sempre frescor e graça.

Se você não conhece, sinta-se feliz por ter toda a obra de Andrea Camilleri para saborear.

Beijus!

Clara Arreguy, quarta-feira, janeiro 23, 2013.

______________________________________________________